Hoje 18 de setembro de 2021 completa dois anos da tempestade de granizo que assolou Carambeí destruindo e danificando moradias, deixando centenas de famílias desalojadas. A forte chuva que caiu por volta das 19 horas, durou poucos minutos, mas deixou um rastro de destruição na cidade principalmente nos bairros Boqueirão, AFCB, Jardim Brasília, Novo Horizonte, Catanduvas, trazendo desespero as pessoas atingidas. Em poucas horas o desespero deu lugar a solidariedade que formou uma grande corrente unindo a população num trabalho incansável para amenizar o sofrimento dos mais atingidos. 

Logo após a tempestade uma inacreditável vontade de cooperar foi envolvendo dezenas de pessoas que se revezavam nas primeiras horas na sede do Bombeiro Comunitário para dar os atendimentos imediatos. Várias horas em que voluntários e bombeiros recebiam, mediam e cortavam lonas num incansável trabalho. Alimentos, roupas, colchões, telhas entre tantos outros itens chegavam durante todo dia doados por carambeienses, pontagrossenses, tibagianos, castrenses e muitos outros anônimos. As doações seguiram por semanas.

Defesa Civil, Bombeiros, Exército, servidores municipais e muitos voluntários trabalharam na separação de roupas, montagem de cestas básicas, cadastro das famílias, entrega de telhas e colchões. Da manhã até a noite os locais de apoio como o CCI e CRAS permaneciam lotados de gente ajudando e pessoas sendo ajudadas. Gradativamente as famílias foram arrumando suas casas e recolocando suas vidas nos trilhos da normalidade.

Por: Emerson Teixeira - Arquivo