Da redação | A Band realiza neste domingo (28), às 21h, o primeiro debate entre candidatos à Presidência da República das eleições 2022. O evento acontecerá em formato de pool com a participação do UOL, Folha de S.Paulo e TV Cultura.

O evento colocará frente a frente, pela primeira vez, os principais candidatos ao Planalto: Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Jair Bolsonaro (PL), Ciro Gomes (PDT), Simone Tebet (PMDB), Felipe D’Avila (Novo) e Soraya Thronicke (União Brasil).

O debate presidencial terá transmissão simultânea, além da Band, na TV Cultura e dezenas de emissoras públicas espalhadas pelo país, veículos internacionais, no portal UOL, no site da Folha de S. Paulo, no BandNews TV, no Terraviva, no AgroMais, nas rádios Bandeirantes e BandNews FM, no Band.com.br, no BandPlay e no canal Band Jornalismo no YouTube. O público também poderá acompanhar os bastidores nos perfis do Band Jornalismo no Twitter, Instagram e Facebook.

A Alianza Informativa, que conta com 21 canais de TV nas Américas do Norte, Central e do Sul também vai usar o sinal. Grandes emissoras como a TV Caracol da Colômbia, Azteca do México e a gigante CBS dos Estados Unidos fazem parte dessa parceria.

Caso haja segundo turno, o debate entre os dois candidatos mais votados será no dia 9 de outubro.

 

Veja as regras do debate


Primeiro bloco

Mediadores: Eduardo Oinegue e Adriana Araújo (Band)

 

Todos os presidenciáveis terão um minuto e meio para responder perguntas programáticas. Será uma questão para cada dois candidatos. As respostas acompanham a ordem de posicionamento no estúdio, conforme sorteio prévio: Felipe D’Avila, Soraya Thronicke, Simone Tebet, Jair Bolsonaro, Lula e Ciro Gomes.

Em seguida, haverá o primeiro confronto direto. Também por ordem de sorteio, cada um escolhe quem vai responder e tem um minuto para fazer a pergunta. O candidato que for responder terá um total de quatro minutos para administrar entre a resposta e a tréplica. Aquele que perguntou tem um minuto para a réplica. Todos perguntam e todos respondem, nesta ordem: Jair Bolsonaro, Ciro Gomes, Felipe D’Avila, Soraya Thronicke, Lula e Simone Tebet.

 

Segundo bloco

Mediadores: Eduardo Oinegue e Adriana Araújo (Band)

Seis jornalistas das empresas que integram o pool fazem perguntas para os candidatos e escolhem quem comenta. Um minuto para a pergunta e um minuto para o comentário. O candidato que responde terá quatro minutos para dividir como quiser entre resposta e réplica. Todos respondem e todos comentam.

 

Terceiro bloco

Mediadores: Leão Serva (TV Cultura) e Fabíola Cidral (UOL)

Novo confronto direto entre os candidatos, também com ordem definida previamente em sorteio (Simone Tebet, Soraya Thronicke, Ciro Gomes, Jair Bolsonaro, Lula, Felipe D’Avila). Um minuto para a pergunta, um para a réplica e quatro minutos administrados entre resposta e tréplica.

Na sequência, mais uma série de perguntas programáticas para todos os candidatos, em ordem previamente sorteada, com um minuto para a resposta. Uma pergunta para cada dois candidatos, nesta ordem: Ciro Gomes, Soraya Thronicke, Lula, Simone Tebet, Felipe D’Avila e Jair Bolsonaro.

Em seguida, cada candidato terá dois minutos para fazer suas considerações finais, em ordem invertida ao início do debate: Ciro Gomes, Lula, Jair Bolsonaro, Simone Tebet, Soraya Thronicke e Felipe D’Avila.

 

Ausência

Conforme definido com os partidos, se algum candidato não comparecer ao debate, o púlpito ficará vazio.

 

Direito de Resposta

Em caso exclusivamente de ofensa moral e pessoal, o candidato poderá solicitar ao mediador direito de resposta imediatamente após o término da fala de quem estiver com a palavra. O mediador submeterá a avaliação ao comitê formado por quatro jornalistas do pool e um advogado. A resposta será dada ainda no mesmo bloco. Na hipótese de deferimento do pedido de resposta, serão concedidos 45 segundos.

Após o evento, à meia-noite, a Band exibe uma edição especial do Canal Livre, ao vivo, repercutindo o encontro entre os presidenciáveis.

 

Sala digital

A Band e o Google repetirão a parceria de sucesso da eleição de 2018. Uma Sala Digital será montada para analisar, em tempo real, os principais assuntos buscados no Google. A partir de dados do Google Trends, o eleitor terá acesso aos temas mais pesquisados durante o debate e na cobertura eleitoral, que serão analisados pelos eleitores pela maior plataforma de buscas do planeta.

Band e Vibra Digital, empresa spin-off de tecnologia do Grupo Bandeirantes, contam ainda com a parceria do Google, que fornecerá dados de interesse de busca, painéis, inteligência e análises.

A Sala Digital, montada no estúdio logo ao lado do debate, proporcionará uma experiência presencial aos convidados, que poderão acompanhar em tempo real nas telas a “temperatura” da repercussão digital do evento. Nas plataformas digitais (BandPlay, Band.com.br e Band Jornalismo no YouTube), a partir das 20h e durante os intervalos, a transmissão terá análises dos interesses de busca dos eleitores em todo o Brasil.


Informações: Band