O calendário escolar de 2022 da rede estadual do Paraná se aproxima do fim. As aulas acontecem até esta segunda-feira (19), enquanto a terça (20) será reservada ao encerramento administrativo das instituições.

Os estudantes voltam às escolas em 6 de fevereiro de 2023. Já os professores retornam na semana anterior, no dia 3, com os dias destinados para estudo e planejamento. Esse momento é voltado à avaliação dos resultados do ano anterior e ao planejamento e consolidação das estratégias pedagógicas que serão empregadas no ano letivo que começa.


“Foi um ano de muito trabalho e dedicação dos nossos professores, funcionários e estudantes. Foi também um ano de celebração pelos resultados no Ideb, fruto do esforço que toda a nossa rede já vinha empregando diariamente”, diz o secretário estadual da Educação, Renato Feder.

Neste ano, o primeiro pós-pandemia com ensino presencial do início ao fim, o Paraná recebeu a notícia de que conquistou o primeiro lugar no Ideb 2021 (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) do ensino médio entre todas as redes públicas estaduais do País – em 2019, ocupava a sétima posição. O exame, aplicado no ano passado, mostrou que mesmo com as dificuldades da pandemia, o Paraná conseguiu manter a aprendizagem.

O ano também foi de investimento em tecnologia: além de garantir para as escolas equipamentos de wi-fi, a Secretaria de Estado da Educação e do Esporte (Seed-PR) também disponibilizou para a rede plataformas digitais para complementar e incentivar o estudo. Foram milhões de redações, lições de inglês e exercícios de matemática realizados nas plataformas.


Em 2022, a rede celebrou ainda a consolidação do programa Mais Merenda — que passou a fornecer três refeições por turno em todos os colégios da rede — e a realização das duas primeiras edições do programa de intercâmbio Ganhando o Mundo, que levou 200 estudantes para o Canadá e para a Nova Zelândia.

“Estamos muito contentes com as conquistas que a rede teve neste ano. Sabemos que nossos profissionais da educação e estudantes se empenham ao máximo e fazem o melhor uso de todos os recursos disponíveis. Encerramos 2022 com um grande sentimento de orgulho”, ressalta Feder.